Memorial Alegrete

2 respostas para Memorial Alegrete

  1. Mauro, bendita hora que fui para o aniversário do Samuel Brasileiro. Era meu sonho chegar perto do filho do “Seu Mauro”, seu pai. Era meu sonho ler de perto a sia poesia .Ainda bem, que chegou esse dia.

  2. Grato. Meu pai era o meu herói preferido… “queria ter pegado mais na sua mão, observado mais sua estética, aprendido mais sua gramática, decodificado mais a sua sabedoria”…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s